Vitaminas na prevenção de doenças oculares

17/04/2018


Vitamina C

Poderoso antioxidante, que reduz o estresse oxidativo. Encontra-se presente em abumdância em frutas, como acerola, laranja, goiaba, mamão, morango, entre outras, sendo utilizado, além da suplementação vitamínica, para preservar alimentos.

Vitamina E

Amplamente utilizado em suplementos vitamínicos, encontrado também no óleo de soja, abacate, espinafre, sementes e grãos.

Zinco

Elemento químico essencial à vida, desempenha importantes ações no metabolismo celular e no sistema imunológico. É encontrado em ostras, carnes vermelhas, aves, frutos do mar, feijão, amêndoas e amendoim. A deficiência de zinco pode levar a inúmeras manifestações clínicas. Em situações de crescimento, como em jovens e grávidas, sua deficiência pode acarretar problemas.

Luteína

É encontrado em altas concentrações no espinafre, couve-flor, abobrinha, ervilha, brócolis, laranja, pêssego, kiwi, mamão e na gema do ovo. Também é um importante pigmento macular.

Ômega 3

São ácidos graxos poli-insaturados essenciais, não produzidos pelo corpo humano, importantes na redução dos níveis de triglicerídios, assim como no metabolismo celular. São encontrados na linhaça e em peixes de águas profundas, como salmão, anchova, atum, bacalhau e cação.  

Bilberry (mirtilo)

Fruto derivado da planta Vaccinium myrtillus, adaptada ao frio do hemisfério norte, muito comum na Europa, especialmente em países nórdicos. Possui coloração escura, indo do vinho-púrpura ao negro, sendo comum tingir a boca após ingerir o fruto innatura. Na medicina tradicional, é utilizado há centenas de anos para combater diarreias, diabetes e infecções.

Possui antioxidantes, dentre os quais antocianina, flavonoides e compostos fenólicos, daí sua utilização na DMRI, porém ainda sem comprovação científica.

Um trabalho realizado com cultura de fotorreceptores de ratos mostrou proteção contra danos celulares na amostra de que continha bilberry e longberry quando expostos à luz LED azul, comparados ao grupo controle.